Nuno Sá exige lugar de deputado do PS na Assembleia da República

Nuno Sá exige lugar de deputado do PS na Assembleia da República

2016-05-07

Deputado volta a ser ouvido na próxima quarta-feira

A Subcomissão de Ética reuniu para analisar se o deputado famalicense Nuno Sá pode assumir o seu lugar de deputado, depois de não ter substituído imediatamente Caldeira Cabral quando este foi nomeado ministro da Economia. Nuno Sá afirmou que pediu a suspensão do seu mandato de deputado a 26 de novembro, quando Manuel Caldeira Cabral (cabeça de lista socialista por Braga) transitou para o Governo. Nuno Sá está disposto "a ir até às últimas consequências" caso lhe seja levantado algum obstáculo. A subcomissão de Ética debate-se com a validade da tese que diz que "só pode suspender o mandato de deputado quem é diretamente eleito". Ou seja, ao não substituir o ministro da Economia logo a 26 de novembro passado, Nuno Sá pode não ter chegado a assumir a titularidade do seu mandato de deputado. Nuno Sá sustenta que pediu a suspensão de mandato e não a renúncia.

118/188
http://editave.youon.tv/files_resources/36e94f92b9215238b372ce308545d0b0.jpg http://editave.youon.tv/files_resources/9d551bf8b16afe6e38397d5f5f2bcdc6.jpg

Hoje na Opinião Pública